Ban

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Assessores Especiais já são 411. Só os salários dos novos nomeados vão consumir mais de R$ 12 milhões por ano


De uma só canetada, o governador Simão Jatene nomeou, ontem, mais 19 assessores especiais.
Agora, já são 411 os assessores especiais nomeados por Jatene em apenas 55 dias de governo, o que representa uma despesa superior a R$ 12,1 milhões por ano – numa estimativa por baixo.
E, saliente-se, apenas com esses que estão sendo nomeados agora – ou seja, sem contar os assessores “herdados” da administração petista.
Segundo o portal Transparência Pará, só agora em janeiro, a Casa Civil pagou R$ 884.717,27, de vencimentos e vantagens fixas de pessoal, de um total empenhado que ficou em mais de R$ 1,8 milhão.
Leia a matéria do blog sobre os R$ 30 milhões gastos por ano com os assessores especiais, nos governos tucanos e no governo petista. Aqui: http://pererecadavizinha.blogspot.com/2011/02/farra-dos-assessores-especiais-consome.html
Veja abaixo a lista dos assessores especiais nomeados ontem, 24 de fevereiro, por Jatene. O número ao lado indica o lugar que ocupam na lista publicada anteontem, quando as nomeações chegavam a 392 – ou 7 por dia, desde 1 de janeiro.
Em tempo: no Diário Oficial de ontem também houve um “rebaixamento”: um certo Manoel Plácido Ramos Silva, que era assessor especial II virou assessor especial I (daí que a relação de agora parta do número 94 e não do 95).
No cálculo das despesas salariais foi considerado um aumento de mais ou menos 20% em relação à tabela publicada anteontem, que é de 2005. 
Assim, os vencimentos estariam em R$ 4.000,00, R$2.700,00, R$ 1.500,00, R$ 1.200,00 e R$ 900,00, respectivamente, para Assessor Especial II, I, Assessor, Assessor de Gabinete II e Assessor de Gabinete I.O 13 entrou no cálculo.

Assessor Especial II

94-HELOISA HELENA CARNEIRO AGUIAR
95-CELIANA MARIA DE AZEVEDO CHAVES
96-TEREZINHA DE JESUS MORAES CORDEIRO
97-MÁRPIA CALLEGARI
98-CELESTE REGINA CAVALLEIRO DE MACEDO RIBEIRO
99- MÁRIO JOSÉ MENDES

Assessor Especial I

116-CAP QOPM ALEX TEIXEIRA RAPOSO
117-CAP QOPM GIORGIO CHRISTIANO ANDRADE MARIÚBA
118-MANOEL SOARES DA COSTA
119-JOÃO LOURENÇO PAXIUBA NETO
120 – MANOEL PLÁCIDO RAMOS SILVA

Assessor Especial

18-HILARIO MILTON DA SILVA JUNIOR
19-ROSANGELA DE LIMA RODRIGUES

Assessor de Gabinete II

85-ARNALDO VALENTE RODRIGUES
86-3º SGT PM MARIA DO PERPÉTUO SOCORRO SIQUEIRA TRINDADE
87-3º SGT PM FRANK ROBERTO LIMA MATOS 
88-EULÁLIA ROMANA DA PAIXÃO
89-ELIAS JORGE DOS SANTOS JUNIOR

Assessor de Gabinete I

83-JEAN CARLOS SILVA DOS SANTOS
84-CB PM RG 19853 RAIMUNDO BENEDITO NOGUEIRA

4 comentários:

Anônimo disse...

Perereca,

Este comentário vale um post.


Sabemos que o Governador Jatene é o tipo de político que cumpre os compromissos assumidos.

Cumpriu com o Deputado Nilson Pinto de lhe entregar a SEDUC. Mas, porém, todavia, creio que o futuro da Secretaria já preocupa o governador.

O Secretário é uma espécie de rainha da Inglaterra, que reina, mas não governa.

Devido ser deslumbrado pela sua atual companheira, Sra. Lena Ribeiro, permitiu que a mesma, apesar de não ser lotada em nenhum cargo de direção da SEDUC, até porque não pode já que é Assessora da Presidência do TCM, se aboletasse numa sala anexa ao seu gabinete e assumisse o poder de mando no órgão.

É ela quem dá as cartas nas contratações.

Todos os dias uma fila de pessoas se forma no corredor que dá acesso ao gabinete do Secretário. Todas para falar com Lena Ribeiro.

Acho que o Ministério Públco deveria atentar para este fato, já que a Sra. Lena Ribeiro vem usando o espaço físico, funcionários, telefones e veículos da SEDUC em benefício próprio sem que esteja exercendo qualquer cargo de direção.

O poder de mando de Lena Ribeiro pode ser constatado nas nomeações para cargos em comissão da SEDUC que são publicados no Diário Oficial. Se Ana Julia nomeou nos primeiros dias de governo sua esteticista e sua cabelereira, a poderosa Lena Ribeiro superou a outra aloprada, pois nunca antes na história deste Estado a SEDUC esteve tão glamourosa, com tantos parentes de socielites e colunistas sociais em seus quadros.

De duas uma: Ou o Dr. Nilson Pinto assume de fato as rédeas da SEDUC, ou volta para Brasília para não ver sua biografia ir para a vala com as estrepulias de sua companheira, que aliás deixou muito bem suas digitais no governo quando o mesmo foi Secretária Especial de Promoção Social.

Anônimo disse...

Minha querida Perereca.
Fiquei sabendo que há uma outra listinha guardada a sete chaves, a de Assessores Especiais que têm sobrenomes ou vínculos de Juízes, Desembargadores, Promotores e Procuradores. Nessa ninguém mexe. E isso é perfeitamente compreensível: com a proibição do nepotismo e do nepotismo cruzado a saída e mandar os apaniguados de Suas Excelências para o Executivo.

Anônimo disse...

os assessores e os das também tem aumento junto com o govarnador e os secratários?

Anônimo disse...

Olha essa bomba!

Pelo menos nestas nomeações vc consegue vizualizar quem são os "felizados",afinal de contas quem nomeia, nomeia alguém pra alguma coisa!

Veja o que aconteceu na EGPA na última sexta dia 25/02, saíram quatro nomeações de servidores COMISSIONADOS e em nenhuma delas, o nome das pessoas é divulgado, fazem apenas menção a portaria que foi assinada pelo Diretor Geral,portaria esta que é interna, ou seja, não dão a devida publicidade ao ato, pois não divulgam os nomes.

Olhe o DOE de sexta-feira e você verá uma grande afronta ao princípio da publicidade, repare que todos os outros órgãos que nomeiam alguém, sempre divulgam os nomes, é uma regra clara considerando que a publicidade existe justamente para controle da sociedade dos atos do poder público.
Tudo indica que a obscuridade dessas nomeações seja para acobertar admissão de parentes.

Denuncie isto num post Perereca, por favor!