Ban

quinta-feira, 23 de abril de 2015

Sindifisco e Asfepa trazem a Belém peça premiada sobre educação fiscal. “Auto da Barca do Fisco” será apresentado amanhã, no Convento dos Mercedários. A entrada é grátis, mas é preciso inscrição online.





Na manhã de sexta-feira, 24, fazer teatral, formação cidadã e educação fiscal estarão juntos na peça “Auto da Barca do Fisco”, apresentada e dirigida por alunos da Escola Estadual Frei Ambrósio, de Santarém, no oeste do Pará.

Com o apoio do Sindicato dos Servidores do Fisco Estadual do Pará (Sindifisco-PA) e da Associação dos Servidores do Fisco Estadual do Pará (Asfepa), o espetáculo, detentor de prêmios nacionais e internacionais, como a Olimpíada Internacional de Empreendedorismo Juvenil, na África (2008), e o Prêmio Nacional de Educação Fiscal da Febrafite, em Brasília ( 2014), irá realizar a primeira apresentação nos palcos de Belém, em comemoração aos 15 anos do Programa de Educação Fiscal no Pará. 

Peça discute importância de exercer a cidadania 

O “Auto da Barca do Fisco” integra as ações do Projeto Sol Cidadão Legal, desenvolvido em Santarém pela Escola Estadual Frei Ambrósio. Desde 2004, o projeto de educação fiscal idealizado pela professora do Ensino Fundamental e Médio Eliana Mara utiliza o fazer teatral como ferramenta pedagógica.

O roteiro é uma adaptação do texto de Marcilio Hubner Neto, baseado nas obras de Ariano Suassuna e Gil Vicente. A trama cômica passa pela explosão de um avião ocupado por políticos, empresários e outros figurões da sociedade que seguiam viagem de Santarém a Brasília.

Com a morte trágica dos passageiros, o Anjo Gabriel e Lucefina iniciam uma divertida disputa pelas finadas almas, um embate entre o bem e o mal apresentados a São Miguel, numa espécie de júri divino, como no Auto da Compadecida, de Suassuna.

Entretanto, o tema do espetáculo não aborda apenas a dualidade do correto e o errado, mas realiza um convite à reflexão sobre a importância de se exercer a cidadania.

A peça, encenada por 11 jovens com idades entre 11 e 20 anos, é um convite pessoal para repensar atitudes, acessar valores e compartilhar responsabilidades sobre ser cidadão.

A professora conta orgulhosa que viu muitos alunos crescerem junto com as proporções do espetáculo e do projeto. 

“Esta ação do Sol, o teatro, iniciou em 2004. Estamos na 3° geração deste espetáculo. Neste percurso ganhamos o segundo lugar da mostra de teatro de Santarém, cinco prêmios na mostra  de teatro de Oriximiná, concorremos com 15 nações e ficamos em quinto lugar no mundo. A primeira atriz que interpretou a Lucefina no espetáculo é formada em artes cênicas pela PUC. Os alunos sempre retornam, alguns tornaram-se voluntários do projeto”, narra a mestre.

Na opinião do presidente do Sindifisco, Antônio Catete, é dever de uma entidade política, principalmente tratando-se de sindicato ligado ao Fisco, comprometer-se com a educação fiscal.

“A formação do cidadão deve ser de interesse de todos. Nós, servidores do Fisco, reconhecemos como este tema ainda é árduo e distanciado da maior parte da população. Por isso, compreendemos como é fundamental viabilizar iniciativas assim, para que tenham espaço e meios de compartilhar as informações. Pagar os tributos e exigir sua aplicabilidade é ser cidadão”, defende Catete.

A coordenadora do Programa de Educação Fiscal, Zilda Benjamim, compartilhou o cartaz de divulgação do espetáculo – produzido pela Diretoria de Comunicação do Sindfisco-PA -  em seu perfil nas redes sociais e destacou o “Apoio fundamental do Sindifisco-Fisco Essencial e Asfepa PA para trazer essa peça excelente e premiada no 1º Lugar do Prêmio Nacional de Educação Fiscal do concurso da Febrafite”. 


SERVIÇO 

Seminário Educação Fiscal, 15 anos contribuindo na construção da cidadania no Pará 
Data: 24/04/2015
Hora: 10h00
Local: Centresaf Pará (Convento dos Mercedários, rua Gaspar Viana, 125 – Campina, Belém)

A Escola Fazendária e o Grupo Estadual de Educação Fiscal realizarão, no dia 24/04/2015, evento comemorativo aos 15 anos do Programa de Educação Fiscal no Pará.

No Seminário, que será realizado no Centresaf Pará, serão apresentados os resultados dos trabalhos desenvolvidos; haverá palestra sobre educação fiscal e coesão social, com o professor da USP, Marcello Arno Nerling, e a apresentação da peça O Auto da Barca do Fisco, com os alunos da escola Estadual Frei Ambrósio, de Santarém.

As inscrições no evento são gratuitas. Para participar preencha e envie o formulário de inscrição para educacaofiscal@sefa.pa.gov.br 

Baixe a ficha (http://www.sefa.pa.gov.br/edufiscal/arquivos/Formulario_de_inscricao.doc), preencha e salve, depois encaminhe para o e-mail educacaofiscal@sefa.pa.gov.br 

Maiores informações pelo telefone: (91) 3241384


(Fonte: Ascom/Sindifisco, com modificações do blog)

Nenhum comentário: