Ban

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

xará

Governo do Estado investe
R$ 20 milhões em novas delegacias






Vinte milhões de reais estão sendo investidos pelo Governo do Estado na construção ou reforma de 48 delegacias de polícia, em vários municípios paraenses. Sete delas já foram entregues à população e uma é emblemática: a de Abaetetuba, cidade que se tornou palco de um escândalo nacional, em 2007, devido a uma adolescente ter permanecido presa junto com vários homens.



No lugar da velha delegacia de Abaetetuba, sem infra-estrutura, que foi demolida, a governadora Ana Júlia Carepa (minha xará!...) inaugurou uma superintendência regional de polícia civil, integrando, no mesmo espaço, instituto de criminalística e serviços de identificação civil, dentre outros.


A nova delegacia tem espaço específico para atendimento de adolescentes em conflito com a lei, celas separadas para homens e mulheres, uma sala destinada à OAB, onde os advogados poderão ouvir os presos, além de serviço de assistência social. Uma unidade da Delegacia de Atendimento à Mulher também funciona no local, com uma delegada que cuida exclusivamente dos inquéritos relacionados aos crimes contra a mulher.


Em todas as delegacias inauguradas e nas que estão em reforma ou construção, a preocupação é uma só: garantir um tratamento digno aos presos e aos agentes de segurança. “Em suma, a governadora Ana Júlia está varrendo para o passado um histórico desrespeito aos direitos humanos, que parecia até uma questão intransponível no estado do Pará”, diz-me, por telefone, fonte do Palácio dos Despachos.


À inauguração da nova delegacia/superintendência de Abaetetuba estiveram presentes representantes da ONU, do Ministério Público, da OAB e o bispo do município, Dom Flávio Giovenalli.

Nenhum comentário: