Ban

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

O Pará é uma festa: filho do senador Flexa Ribeiro aluga casa por R$ 84 mil à Secretaria Estadual de Saúde, na qual é, também, um alto assessor.

É incrível, mas verdadeiro: o filho do senador Flexa Ribeiro, o médico Fernando de Souza Flexa Ribeiro Filho, alugou uma casa à Secretaria Estadual de Saúde (Sespa), na qual ele, Flexa Filho, trabalha como assessor.

Você não leu errado, não: o médico Flexa Filho, além de ser filho de um senador do mesmíssimo PSDB que comanda o Governo do Pará, é alto assessor da Sespa, a secretaria à qual alugou uma casa, na rua Fernando Guilhon, em Belém.

Valor do aluguel: R$ 84 mil por ano, ou R$ 7 mil por mês. E tudo, é claro, com dispensa de licitação.

Está tudo nas páginas do Diário Oficial do Estado.

O aluguel da casa, na edição de hoje, 09 de novembro, na página 14 do terceiro caderno:

E aqui você confere, no Diário Oficial do último 3 de outubro, na página 9 do terceiro caderno, a diária recebida por Flexa Filho, para uma viagem a São Paulo, a serviço da mesmíssima Sespa:


No Diário Oficial de 30 de agosto deste ano, na página 5 do primeiro caderno, veja a nomeação dele como Assessor Especial III da Governadoria:

 
E aqui, nos diários oficiais de 13 de setembro (página 5 do terceiro caderno) e 13 de outubro (página 7 do terceiro caderno) a revogação da portaria da Universidade do Estado do Pará (Uepa), onde ele é professor, que havia colocado Flexa Filho à disposição da Secretaria de Governo (Segov); e a publicação da portaria que o colocou à disposição da Casa Civil, mas lotado no Departamento de Saúde Integrada, ou seja, na Sespa:

 
Antes de ser nomeado assessor especial III da Governadoria, Flexa Filho era “assessor de Câmara III”, um DAS 5, também na Governadoria, conforme se pode constatar no Diário Oficial de 03 de agosto, primeiro caderno, que publicou a exoneração dele. Veja aqui:

Quer dizer: é possível que Flexa Filho já fosse assessor da Governadoria – e lotado na Sespa – desde o começo do governo do tucano Simão Jatene.

Foi exonerado durante a reestruturação dos cargos de confiança do Governo do Pará, mas foi renomeado logo a seguir, já com a nova classificação legal.

Curiosamente, também fez parte do Comitê de Ética do Hospital de Clínicas Gaspar Viana.

Mas hoje, ao que parece, não vê qualquer problema em alugar uma casa à secretaria na qual exerce um alto cargo de assessoramento.

Em tempo: a Assessoria de Comunicação de Flexa Ribeiro confirmou que o médico Fernando de Souza Flexa Ribeiro Filho é, de fato, filho do senador.
A Perereca aguarda esclarecimentos da Assessoria acerca de tão pitoresca transação.

18 comentários:

Anônimo disse...

Ana investigue por favor no diario Oficial, mas na ETSUS/SESPA houve uma seleção para monitores e o diretor (Raimundo Sena) candidatou-se e foi aprovado. Pode até ser que ele tenha competencia para tal, mas pelo amor de Deus julgar a si próprio é demais.
Sim, não julgou a si próprio mas seus subalternos o julgaram.

Yúdice Andrade disse...

A criança ingênua que habita em mim se pergunta porque essas pessoas ligadas e políticos, quando firmam contratos suspeitos com o poder público, sempre é com um governo ao qual seus papis estão alinhados. Já que eles sempre agem de boa fé, realizando negócios como qualquer outra pessoa faria, como nunca acontece de alugar um imóvel para governo ao qual faz oposição? Por que será?

Anônimo disse...

Esses tucanos adoram uma boquinha, esse governo lorotico é uma farra!

Anônimo disse...

Pergunte qtas vezes o Flexinha apareceu no trabalho nos últimos dias
É UM Q RECEBE SEM TRABALHAR!!
Como outras duas DAS6 q recebem e eventualmente aparecem, e a própria Adjunta, que só trabalha até 13 horas.
Alô Medrado!! Vamo olhar p Executivo, especialmente p Ophir Loyola q paga 30 mil p médicos q só trabalham 4 horas p dia.

Anônimo disse...

Pererequinha querida, é considerado nepotismo cruzado o sobrinho do Flexa estar na presidência da Prodepa? Vc sabia disso?

Anônimo disse...

Continuo afirmando que voce é uma ptista de carteirinha, não vi meia linha sua sobre a trambivagem do PT em prestar contas em dois convenios com as mesmas notas. Não li nada sobre esta trambicagem que noticiam na OAB, o que está acontecendo? Não basta dizer que é imparcial, tem que provar.

Anônimo disse...

E por que será que o Diário do Pará e o Liberal não divulgam isso. E os deputados de oposição fazem o quê??? Esse governo de tucanos assaltam o Pará e ninguém faz nada. Não fosse pela Perereca ninguém saberia disso

Anônimo disse...

Enquanto a SESPA se transforma num grande balcão de negócios,com nepotismo desenfreado,dispensas de licitação,compra supervalorizada de hospital (em aguardo de esclarecimentos quanto à rapidez de tramitação e instâncias envolvidas,já que não constava previsão no orçamento),ficamos sabendo de mais essa.Esse gênio Flexa Filho que transita pelos DASS finalmente faz o que na SESPA ou GOVERNADORIA ?

Anônimo disse...

O Pará é uma festa para esse tipo de pessoas.A SESPA e os hospitais estaduais também,é nepotismo direto e cruzado que espanta.O secretário fez da SESPA o escritório do Jordy e PPS.Enquanto isso não se dá chance a servidores qualificados da Secretaria que tiveram pós graduações custeadas pelo próprio estado e que teriam muito a contribuir.Ficamos assistindo esses desmandos sem poder fazer nada por medo de retaliações.

Anônimo disse...

Será q essas acusações vão ficar apenas no papel?O papel aceita tudo.Se a nível estadual não se resolve, partam para o federal; o q não pode é ficar um informando ao outro sem dar uma resposta à sociedade que ainda acredita na justiça pra todos sem distinção.
DPS

Anônimo disse...

Perereca, teria sido muito bom que voce tivesse tido esta mesma atuação no Governo dos Ptralhas. Acho que o Orly ou o Jatene não te pagaram o que deviam quando nas eleições voce disse que trabalhou para eles. Não entendo esta sua marcação cerrada contra os Tucanos. Reconheço a sua competencia e diante disto não dá para voce falar sobre estas romanices e barbalhices que aconteceram na OAB assim como a prestação de contas com mesmas notas efetuadas pelos ptralhas da Ana Julia?

Anônimo disse...

Anônimo das 9:07 escreveu a pura verdade.No Gaspar Viana há um grupo de parentes e agregados da adjunta da SESPA.Por trás dos bastidores ela dirige o hospital, já que os principais cargos de direção são dela.O nepotismo é epidemia no governo Jatene.

Anônimo disse...

Amigos, tá tudo dominado. As instituições do governo do estado vivem uma farra de DAS. Além, é claro, das cartas marcadas em aluguéis de casas caros e fornecimentos de alimentos. Aquele Eduardo de Castanhal tem uma riqueza que é a prova disso. Tudo pelo poder. Quanto ao povo? Que exploda.

Anônimo disse...

No âmbito federal tem a controladoria geral da união, cgu, que funciona, no estado temos a controladoria geral do estado que fica na duque, pelo visto este órgão e de fachada porque não vejo uma investigação tal como a cgu. Que tal uma reportagem sobre a controladoria geral do estado em perereca, aposto que vai aparecer muita coisa. Abraços.

Point disse...

Esses tucanos são engraçados, eles se revoltam quando são pegos com a boca na botija, descontam em quem denunciam. Ora meus caros, o problema é que, nos primeiros doze anos não existia a blogosfera, vcs aprontavam horrores e graças a imprensa comprada ninguem ficava sabendo das falcatruas, agora é diferente, e não tem saida, em menos de dois anos, metade desse governo vai estar atras das grades, ate mesmo o Lorota, nao esquecam o que aconteceu em Macapa, pior ainda vcs estao fazendo aqui no Pará.

Anônimo disse...

Flexinha, coitadinho precisa do salário de assessor. (Estou pensando em fazer uma coleta para entregar a ele, tá precisando de dinheiro o bichinho) Não tem problema em trabalhar, que dizer, ser lotado na Sespa, mais o DAS tem que ser da Governadoria. Deve ter algum motivo. O bichinho tá precisando de dinheiro, o pai não pode dá, então provavelmente o DAS deve ser financeiramente melhor, e ele fica na SESPA mesmo tanto expediente, que dizer............lotado.

Anônimo disse...

Governo de escãndalos e corrupção desvairada!!!! Espero que queimem lá no inferno no dia do Juízo Final.

Anônimo disse...

Dizer que o 'padrinho politico' dessa Diretora é o próprio Senador, pai do contratado, explicaria o fato??