Ban

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Zenaldo é cassado pela segunda vez e pode acabar se tornando o prefeito mais cassado do Pará.






No blog Ver-o-Fato, do jornalista Carlos Mendes: 

Justiça Eleitoral cassa Zenaldo pela segunda vez. Tucano está nas mãos do TRE.

O prefeito reeleito Zenaldo Coutinho (PSDB) foi cassado pela segunda vez e teve sua situação complicada para ser diplomado e exercer novo mandato. A decisão, publicada hoje, é do juiz Antônio Cláudio Von Lohrmann Cruz, da 97ª Zona Eleitoral. O magistrado é o mesmo que cassou o registro da candidatura de Zenaldo na véspera do primeiro turno desta eleição, em outubro passado por propaganda fora do prazo em lei, abuso de poder e promoção pessoal às custas dos cofres públicos.

O juiz expediu a nova decisão de cassação em uma ação que junta quatro acusações de outros crimes eleitorais: a concessão de gratuidade da tarifa aos passageiros do BRT durante o mês de julho, o que significa distribuição de bem da prefeitura; a instalação de placas de obras da prefeitura, com o slogan da gestão tucana, em período vedado pela legislação eleitoral; a produção de matérias jornalísticas elogiosas a Zenaldo pela Agência Belém, da própria prefeitura.

Essa última acusação é exatamente a mesma que levou à cassação anterior de Zenaldo, acusado de veicular mais de 40 vídeos institucionais na página oficial da prefeitura no Facebook com link à página pessoal do próprio Zenaldo. Na sentença, com data de hoje, 21, Antonio Cláudio Cruz justifica a condenação do tucano com diversos argumentos.

“Em suma, a reiteração das condutas, a gravidade delas, a diversidade dos meios empregados e a própria massificação da propaganda institucional, através de placas, vídeos, slogans, cores, entrevistas, inaugurações, site oficial, Facebook, Youtube, BRT, etc, funcionaram como um verdadeiro “rolo compressor” sobre os outros candidatos, cuja propulsão foi a “máquina” administrativa comandada pelo candidato Zenaldo Coutinho na qualidade de prefeito municipal de Belém".

E mais: tudo foi feito, segundo o juiz, "sem qualquer disfarce, eliminou toda a concorrência e influiu na liberdade do voto, fato que, por certo, também aproveitou ao réu Orlando Pantoja, candidato a vice”. O recurso contra a primeira cassação deve ser julgado na próxima sexta-feira, dia 25, segundo informou ao blog uma fonte do Tribunal Regional Eleitoral.

O bicho pegou para Zenaldo”. 

Tem mais Ver o Fato aqui: http://www.ver-o-fato.com.br/ 

No blog da jornalista Franssinete Florenzano, a informação é que o prefeito, apesar de duas vezes cassado, poderá ser diplomado, no mês que vem:

Zenaldo será diplomado mesmo com a condenação
O prefeito reeleito Zenaldo Coutinho e o seu vice eleito, Orlando Reis Pantoja, já recorreram ao Tribunal Regional Eleitoral da segunda condenação imposta pelo juiz da 97ª Zona Eleitoral de Belém, Antônio Cláudio Von Lohrmann Cruz, que cassou o registro e decretou a inelegibilidade de ambos, por oito anos, por propaganda eleitoral irregular e abuso de poder político e econômico. Em entrevista exclusiva ao blog, o procurador regional eleitoral, Bruno Valente,  do Ministério Público Federal, explicou que a situação eleitoral de Zenaldo continua inalterada, ou seja, com registro cancelado mas sub judice. Essa condição permite que ele e seu vice sejam diplomados em dezembro, já que os recursos têm efeito suspensivo automático, até decisão definitiva.

O juiz singular entendeu como procedente a denúncia da Coligação Juntos pela Mudança, de propaganda irregular com uso do BRT, placas de obras, redes sociais oficiais da prefeitura (Facebook e Youtube) e Agência Belém. Zenaldo se declara confiante na possibilidade de reverter a sentença perante o Tribunal Regional Eleitoral e o TSE”. 

Tem mais blog da Franssinete aqui: http://uruatapera.blogspot.com.br/

Nenhum comentário: