Ban

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Vendas de seminovos têm recuperação e crescem 11% em julho. Mais de 1 milhão de veículos foram comercializados no mês. No acumulado do ano o crescimento é de 4,8%


São Paulo, agosto de 2013 – Dados da Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores (FENAUTO) mostram que o mercado de veículos seminovos (automóveis, comerciais leves e pesados, motos e outros) teve forte recuperação no sétimo mês do ano. 

Foram vendidas 1.105.335 unidades em julho, o que representa uma alta de 11% em comparação com o mês anterior. 

Os brasileiros compraram, em média, por dia útil, 48.058 veículos. 

No comparativo de julho de 2012, o setor registrou crescimento de 6,2%. 

Já no acumulado do ano, o crescimento foi de 4,8% em relação ao mesmo período do ano anterior. 

Para o presidente da FENAUTO, Ilídio Gonçalves dos Santos, o bom resultado em julho foi alavancado pelo ajuste na política de aprovação de créditos, feita por bancos e financeiras. 

“Houve uma queda na inadimplência dos financiamentos o que, consequentemente, gerou o aumentou de crédito no mercado”, completou o executivo. 

Ainda segundo o presidente, outro fator que vem contribuindo para o crescimento do setor é a melhora do poder aquisitivo das classes emergentes. 

“O desejo de comprar um automóvel para a família está entre as cinco principais prioridades do consumidor”, assinala Ilídio. “Esse consumidor vê no seminovo uma ótima oportunidade de compra e esse desejo pode ser concretizado mais rápido do que a aquisição de um imóvel próprio – o primeiro item de prioridade do brasileiro”. 

Diante do resultado de julho, Ilídio prevê que as perspectivas para o segundo semestre devem se manter estáveis. 

“Devemos continuar o crescimento e recuperação das perdas ocorridas em  2012”, informou o presidente da entidade. 


Automóveis 

O volume de vendas na categoria de automóveis foi de 690.401 unidades em julho, registrando alta de 10,6% sobre o mês anterior (624.079). 

No ranking dos cinco modelos mais vendidos, destacam-se: Gol (98.784), Uno (58.404), Palio (54.008), Corsa (33.102) e Celta (30.531). 


Comerciais leves 

Considerando apenas os comerciais leves foram vendidas 149.931 unidades, aumento de 10,6% em relação a junho (135.530). 

Os cinco modelos mais vendidos no período, foram: Strada (19.020), Saveiro (15.909), Ecosport (11.856), S10 (10.138) e Kombi (8.064). 


Motocicletas 

Já o segmento de motos obteve um crescimento de 13,7% sobre junho, com 225.951 unidades  comercializadas contra 198.813 no mês anterior. 

As motos mais vendidas em julho foram: CG 150 (50.653), CG 125 (49.711), BIZ (19.682), NXR 150 (17.063), YBR 125 (10.310). 


Sobre a FENAUTO: 

Fundada em 1994, a Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores (FENAUTO) foi criada para promover o desenvolvimento associativo da classe, defender e representar seus interesses no cenário político e econômico nacional. 

A Federação é formada pelas Associações de Veículos Automotores, que estão presentes em todos os estados brasileiros a fim de congregar e representar as lojas revendedoras de veículos seminovos e usados. 

Mais informações acesse: www.fenauto.org.br 

(Fonte: Ascom/FENAUTO)

Nenhum comentário: