Ban

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Audiência Pública na Alepa vai debater violência policial na RMB. Índices alarmantes de denúncias motivaram evento. Manifestantes do Movimento Belém Livre poderão denunciar abusos da PM e da Guarda Municipal.


Nesta terça-feira (27.08) a Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Alepa realizará, às 15 horas, no auditório João Batista, Audiência Pública sobre  a violência policial na Região Metropolitana de Belém.

A audiência é motivada pelos índices alarmantes de denúncias de violência em ações das polícias civil e militar.

Na ocasião, familiares de vítimas de violência apresentarão casos emblemáticos que aguardam desfecho de investigações ou processos judiciais, além dos dados da ouvidoria e das corregedorias das polícias civil e militar.

Será uma oportunidade, também, para receber denúncias de abusos cometidos pela PM e Guarda Municipal, na repressão às manifestações ocorridas desde junho, em favor do passe livre.

Parlamentares e sociedade civil discutirão propostas em andamento para a construção de um protocolo para uso da força policial, bem como para a criação de um sistema de atenção às vítimas de violência no estado do Pará.

A idéia é construir soluções para reduzir os índices de violência envolvendo agentes do sistema de Segurança Pública e pugnar pela agilização nos processos de responsabilização e punição de agentes que cometeram crimes no exercício de suas funções. 

(Fonte: Assessoria do deputado Carlos Bordalo, com título e modificações do blog)

Nenhum comentário: