Ban

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Muito obrigada, queridinhos!



Agradeço, do fundo do coração, os parabéns que recebi, através de email e do Facebook, de amigos e leitores deste blog: Zadoque Gomes Benjo, Salomão Larêdo, Adrielle Cunha, Washington Carlos Da Costa Araújo, João Rosa Borges, Ana Júlia Carepa, Alan Wantuir, Francisca Mila, Beto Duarte, Rejane Jatene, Gaby Castro, Emanuel Maciel, Valdo Filho, Leila Otávia, Henry Junior, Dimas Nascimento, Ida Lenir Maria, Mauro Ribeiro, Waleiska Fernandes, Adriano D’Oliveira, Maria do Carmo, Patrícia Éleres, João Brasil Wanzeler, Sula Maciel, Xico do Bacalhau, Cristina Normando, Rodolfo Evangelista, Elizabeth Lauzid, Margarida Almeida, Bruno Nascimento, Viajante Sustentável, Herlem Ferreira, Cabanha Árabe, Leonel Souza, Antonio Amaral Ferreira, Tom Sampaio, Nonato Souza, Renato Rodrigues, Denis Assunção, Victor Javier Guarani-Kaiowá, Adison Ferrera, Édna Regina, Alexandre Sequeira, Jorgiene Oliveira, José Maria Piteira, Oswaldo Chaves Junior, Pedro Bentes Pinheiro Filho, Natália Guarani Kaiowá Azevedo, Fernando Brito, Cesar Modesto, Roony Algodoal, Ana Lúcia Nogueira, Carlos Boução, Liliana Souza, Leila Queiroz, Anamélia Araújo, Patrick Paraense, Valter Batata, Vera Paoloni, Abner Luiz Araújo, Marajó Notícias, Paula Portilho, Gilvan Capistrano, Elias Luz, Márcio Rodrigues Almeida, Paulinho Moura, Gustavo Beckman, Lívia Magno, Sérgio Nunes, Ãngela Sales, Marcus Vinícius Mesquita, Ricardo Rocha, Marssena Guilherme, Maurício Quintairos, Nandressa Nuñez Guarani-Kaiowá, Elias Pinto, Venize Rodrigues, Antonio Cláudio Puty, Lígia Saavedra Guarani Kaiowá,Waldir Cardoso, Maurício Bororó, Carlos Albuquerque, Paulo Oliveira, Nilton Sousa dos Reis, Marcos Quinan,Gilson Geraldo Lopes, Denise Mourão, Sérgio Savino, Ghys Cunha Guarani-Kaiowá, Jorge Reis, Sávio Lago, Paulo Behrens, Márcio Alves, Júlio Chinazzo, Glaydson Canelas, Antonio Carlos Pereira Junior, Conceição Elarrat, Carpinteiro da Poesia, Ivan Silveira da Costa, Cristina Autran, Clipping Cultural Produções, Bira Rodrigues, Jorge Lobo, Marcelo Araújo Menezes, Fabrício Fernandes, Dilson Pimentel, Érica Andrade, Edyr Augusto Proença, Thiago Quaresma, Marcelo Carvalho, Vicente Cidade, Marcos Urupá, Marcos Santos, Ana Cleude, Lilian Leitão, Edivaldo Fonseca, Socorro Borges, Fernando Brito, Elba Silva, Pará Político, Fernando de Oliveira, Glauber Lima, Cláudio Lago, Julie Rocha, Augustão do PT, Cláudio Mercês, Fabrício Fernandes,Belém Dicas, Diego Wellington, Alcy Diniz, Laureta de Medeiros.
 
Normalmente, completar 30 anos, ops!, 52, não é lá muito agradável.

Mas o carinho de vocês me deixou emocionada. Ri, chorei e agradeci a Deus por ter me proporcionado a Honra de ter pessoas como vocês como amigos e leitores deste blog.

A Perereca da Vizinha começou como uma simples brincadeira – até o nome demonstra isso.

Era um cafofo para poesias, crônicas, alguma notícia e muitas divagações etílicas...

No entanto, penso que acabou por ocupar um espaço importante no jornalismo paraense.

E essa atenção, esse carinho de vocês só aumenta a minha responsabilidade.

Que Deus ilumine, sempre, todos vocês.

E que nos conceda permanecermos juntos, em busca desse tão sonhado mundo melhor.

Pra vocês, queridinhos! 



.........................................



Atualizada às 23h00:

Agradeço, ainda, os parabéns de Jota Ninos, Bruno Calheiros, Silvana Medeiros, Sérgio Santana da Trindade, Antonio Granado, Walrimar Santos, Danielle Filgueiras, Rosângela Maria Almeida, Cezio Flores Filho, Paulo Ávila, Ve Lopes, Eleni Tenório Soares Gomes, Aladim Iastani, Jecyone Guarani-Kaiowá Pinheiro, Ana Cláudia Pamplona, Fernando Tolentino, Lenita Cunha, João Paulo Nobre e Flavio Lauande.
 

4 comentários:

Anônimo disse...

Interessante minha cara Perereca, é a semelhança entre bicheiros.Castor de Andrade, foi presidente de honra do Bangu e dono de Escola de Samba: Luizinho Drumond, dirigente do Botafogo e dono de Escola de Samba, qualquer coincidência por aquí é mera semelhança.A Receita Federal tem que investigar de onde vem tanto dinheiro para o tal de Santa Cruz.A não ser que por lá exista o Barão de Cuiarana.Possibilidades de grande lavandería,mas não para lavar os uniformes dos jogadores.

Anônimo disse...

Acho que passar dos cinquenta é um privilégio, principalmente para os que têm uma profissão instável e de muita pressão. Não se reprima, chute a barraca inteira, mas cuidado com o pé e aproveite pequenas vantagens da maturidade. Vale tentar. Fui!

Adelina Braglia disse...


Ana,

um pouco atrasada, é verdade, mas deixo o presente aqui:

http://www.youtube.com/watch?v=K8eNDE9LCXU

Ana Célia Pinheiro disse...

Égua, Adelina, muitíssimo obrigada. Presentão, "visse"? Fazia tempo que não ouvia essa preciosidade. Vou tomar uma cerva no final de semana ouvindo essa música. Valeu!