Ban

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Franssinete Florenzano, o delegado Roberto Teixeira e a irresponsabilidade e despreparo do governador Simão Jatene.

Ao colocar no comando da Polícia Metropolitana um delegado acusado de tortura, o governador Simão Jatene deixa claro que não possui nem compromisso com os direitos humanos, nem preparo para o cargo que exerce.

Na verdade, a decisão de Jatene beira a irresponsabilidade, num estado marcado por impressionantes casos de violência policial, como, por exemplo, o massacre de Eldorado de Carajás.

 
É claro que só a Justiça – e somente ela - poderá dizer se Roberto Teixeira e os três PMs que figuram como réus nesse processo (leia a reportagem aqui: http://pererecadavizinha.blogspot.com/2012/02/me-deram-bicuda-soco-pontape-tudo-o-que.html )  são inocentes ou culpados.


Mas a acusação que pesa contra o delegado é tão grave, mas tão grave que o simples bom senso recomendaria que, até a decisão da Justiça, ele não exercesse nenhum cargo de comando.

 
Afinal,  o fato de um delegado com tal acusação no costado ascender a um cargo tão importante, pode muito bem ser recebido como um sinal para o “liberou geral”, entre os seus coleguinhas policiais. 

 
E quem vai pagar o pato é o seu José lá da periferia, que não tem nem como se defender, pois, se um caso que tem como suposta vítima um advogado criminalista demorou 13 anos para ser levado à Justiça, imaginem o que aconteceria se a vítima fosse um cidadão bem mais humilde. 


Agora, explode mais uma denúncia espantosa, novamente através dos blogs e das redes sociais, as últimas trincheiras contra o silêncio que Jatene, através do dinheiro ou na marra, tenta impor neste estado, para encobrir as suas irresponsabilidades e desmandos.

 
E a vítima é a combativa jornalista e blogueira Franssinete Florenzano, atacada de forma torpe pelo secretário de Comunicação, Ney Messias.


Tudo porque Franssinete noticiou em seu blog ( http://uruatapera.blogspot.com/) a indignação da cantora Fafá de Belém diante da tentativa de Ney de creditar o sucesso dela ao apoio do Governo do Estado.

 
Ontem, veio o troco: em seu twitter, Ney “reformatou” o ditado popular “os cães ladram e a caravana passa”, para incluir a expressão “cadelas”.

 
Franssinete, é claro, sentiu-se ofendida, já que as tuitadas de Ney se referiam a esse episódio.

 
Não é a primeira vez que Franssinete e as mulheres que se destacam neste  estado são ofendidas de maneira sórdida e inescrupulosa.

 
A ex-governadora Ana Júlia Carepa sofreu que nem sovaco de aleijado nas mãos dessa matilha misógina (e hidrófoba) que hoje comanda o estado do Pará: Ana não podia nem sair à noite para tomar um uísque, ou ter um namorado, que lá vinham os tucanos a tratá-la, na imprensa e na blogosfera, como se fosse uma prostituta.

 
Os mesmíssimos tucanos hipócritas que, no entanto, nunca disseram um ai pelo fato de Jatene ter sustentado durante anos uma namorada – que, aliás, tinha a idade da filha dele - com um DAS 5, se não me falha a memória, na Secretaria de Educação.

 
O baixo nível dos ataques desses tucanos à Ana Júlia Carepa e, agora, à jornalista Franssinete Florenzano, bem demonstra qual à imagem que eles têm acerca de nós, mulheres: se não fazemos parte da parentada, nem nos curvamos diante da corriola deles, somos “cadelas”. 

 
Nem como mulheres, nem como seres humanos e muito menos como cidadãs são capazes de nos respeitar.


Trata-se, em suma, de um pensamento troglodítico, invejoso e acanalhado, que revela, ao fim e ao cabo, seriíssimos problemas sexuais.

 
Como já se disse, porém,  Ney Messias não é o único do time de Simão Jatene a agir desse jeito.


Os ataques à Ana Júlia Carepa foram orquestrados por outro homem forte do governador, o publicitário Orly Bezerra, a partir de seu bunker na Perebebuí.

 
O mesmo Orly que, na campanha eleitoral passada, dizia horrores da combativa Franssinete Florenzano, e que até armou uma ameaça de processo, para tentar intimidá-la, simplesmente porque ela cumpria seu dever de jornalista de noticiar.

 
O mesmo Orly que, recentemente (como todos devem ainda se lembrar), fez de conta que não conseguia conter um de seus vassalos que investiu contra nós duas no Twitter, a nos ameaçar e agredir – e nos mesmíssimos padrões acanalhados agora usados por Ney Messias.

 
É esse o time do governador Simão Jatene: um delegado acusado de tortura e um secretário de Comunicação e um marqueteiro que não respeitam nem as mulheres, nem a liberdade de expressão.


E depois, quando explodem os escândalos, o governador ainda faz cara de paisagem, a dizer que não sabe de nada.

 
Triste Pará. 

33 comentários:

Guilherme Carvalho disse...

Receba a nossa total solidariedade. infelizmente ainda existem idiotas desse tipo.
Abraços.
Guilherme Carvalho

Anônimo disse...

Perfeito seu comentário Perereca.Não sou eleitora da ex governadora Ana Júlia mas sempre achei muito desrespeitosa e preconceituosa a maneira como seus adversários políticos criticavam sua vida particular.

Na Ilharga disse...

Além de toda a canalhice machista, ainda mais essa de apropriar-se do sucesso da Fafá de Belém.
Lembro da Fafá cantando no ginásio da Universidade e já agradando aquela plateia de estudantes.
Pouco tempo depois, apareceu em clipe no Fantástico cantando uma música que fazia parte da trilha sonora da novela Gabriela. Depois disso, seu sucesso ultrapassou as barreiras do país sendo, portanto, sintoma de debilidade mental achar que um governicho obscurantista teve qualquer papel marcante nessa trajetória.

Anônimo disse...

Perfeita a sua análise sobre os métodos do governo Jatene lidar com os fatos.É um absurdo o comportamento de Ney Messias ao ficar twitando que nem um moleque durante seu horário de trabalho pago com nosso dinheiro. O uso deturpado do ditado árabe usando o termo cadelas e ainda a referência ao trabalho doméstico em relação a uma jornalista conceituada revela despreparo para a função exercida,além de grosseria.Essa prepotência e preconceito machista ferem não apenas a jornalista mas todos nós paraenses. Se mais uma vez presenciarmos o silêncio de Jatene (e omissão significa endosso às atitudes de Ney),então só resta esperar 3 anos para o excluirmos da política, como já foi feito Ana Julia.

Anônimo disse...

Ney Messias revelou nesse episódio que não tem condições para o cargo que ocupa.Só resta ao governador demiti-lo, ainda mais por estar twitando algo tão preconceituoso e grosseiro no horário em que deveria estar trabalhando para fazer juz ao salário recebido graças aos impostos que pagamos.Solidariedade e respeito para a Francinete e que o governador dispense Ney Messias, por não sabe exercer com honra o cargo de secretário de comunicação.

Anônimo disse...

Perereca,
é só investigar direito, que você, vai encontrar, vários Delegados da Policia Civil, que já foram presos por Corrupçao,roubo, concussão e outros crimes graves, e que agora,foram nomeados pelo Jatene, para assumirem altos cargos de direção.
Ressalta-se que no Governo de Almr Gabriel, isso não ocorria.

Vigilante disse...

Ana e Francinete, nossa solidariedade a vcs. Vida longa na luta para dissecar os governantes que ousam ludibriar os cidadãos honestos e batalhadores.

Anônimo disse...

... Concordo com tudo, mas: algo de concreto tem e deve ser feito, caso contrário É DESPERDÍCIO DE ENERGIA....

Anônimo disse...

Se este fosse um governo sério na segunda feira Ney Messias estaria exonerado, ou Jatene apoia este tipo de conduta do seu secretário de comunicação?

Anônimo disse...

O seguinte querida Perereca, concordo com tudo sobre o que vc falou. Porém, o Fato é que o Ney Messias sabe que como tudo é efemero principalmente na internet, tai fazendo papel de morto. tal qual o governador. devem estar rindo de toda essa situação, bebericando, fumando uns e ponto final. Afinal, isso é Pará, isso é Brasil.

Anônimo disse...

As baixarias de Ney Messias e seu desespero por notoriedade não tem o limite que deveria ser a norma para exercer um cargo tão importante no governo.Será que isso vai ser mais um caso de silêncio de nosso governador? Ele precisa é ser dispensado para cuidar do seu tanque de roupa suja e varrer a casa.Aí não terá tempo para ficar twitando besteiras e ofendendo mulher.

Anônimo disse...

Gente, pelo amor de Deus, em nenhum momento o Ney Messias quis se apoderar do sucesso da Fafá. O que ele comentou foi sobre o apoio do governo aos novos talentos da música paraense, tanto que no dia seguinte aos comentários Ney e Fafá já estavam de boa. Em busca de audiência, Franssinete quis alimentar essa "polêmica" que já estava encerrada. Não estou apoiando o comentário posterior do Ney, apenas acho que é preciso saber do que se fala e de como toda essa história começou.

Anônimo disse...

Perereca muita atenção ao formatar suas notícias. Temos que publicizar tudo que por direito é público, não há dúvidas sobre isso. Acontece q na polícia funciona assim, em razão da corja q ainda vive por lá: quando muitos falam mal, é porque o cara é bom! Numa época dessas, as coisas no Parazão ainda caminham desse jeito. Viva a liberdade de informação, q de imprensa ainda não existe.

Anônimo disse...

Ja falei aqui e torno a repetir, essa turma de tucanos malfeitores so voltou porque no primeiro governo nao existia a blogosfera e o acesso a informacao era controlado com mao de ferro por eles, a custa de milhoes dados as redes de comunicacao, mas nao se iludam, essa turma muito mais ainda vai fazer, eles estao so comecando, eles so querem se dar bem a nossa custa.
POINT

Anônimo disse...

Desculpa a ignorância e a falta de memoria, mas não foi esse Ney Messias que fez o contrato com a Funtelpa e a Liberal pra ficar mamando na teta do Estado por 12 anos durante o uso do equipamento público?
Que gerou até aquela ação de improbidade pra ver se pegava de volta o montante de quase meio bilhão de reais?

Não lembro, mas se for, tai, uma bela reportagem.

Engraçado como os ministros da Dilma caem por qualquer bobagem, mas os do JAJA ficam firmes com coisa pior.

Anônimo disse...

Perereca,
Veja só como a coisa está avacalhada no Governo jatene, o Governador, vai para a televisão,e diz que estava exonerando o Cel mario Solano,ex comandante da PM, porque o mesmo, não era operacional, e precisava de um comandante operacional. Muito bem, passados, trinta dias, o mesmo Cel. Mario Solano, é nomeado, pelo Jatene, para ocupar a função de Coordenador Operacional da SEGUP. Ou o Simão jatene, está completamente prdido ou é um grande mentiroso. É por isso, que a Segurança Pública,está um caos.

Andre Nascimento.

Anônimo disse...

Perereca,
Anote aí,um dos motivos que levou esse caso de tortura,que envolve o Delegado Roberto Teixeira, a ficar 13 anos engavetado. Primeiro: a delegada Nilma valinnoto, era a chefe de Gabinete do então Delegado Geral da Policia civil, Brivaldo Soares, e Nilma, hoje trabalha na SEGUP, com o atual Secretario de Segurança Pública, Segundo: O Delegado Domingos Sávio(Hoje ocupa alto cargo na Corregedoria Geral de Policia), era um dos homens de confiança do Delegado Brivaldo Soares, e o Delegado Roberto Teixeira, era homem de confiaça, do ex Secretario de Segurança Pública, Paulo Sette Camara, e entre 2003 e 2006, veio a ser e continua sendo homen de confiança do atual Secretario de Segurança Pública, Luis fernandes(Que foi Delegado Geral, entre 2003 e 2006). Com isso, o caso foi engavetado, para que roberto Teixeira, pudesse, assumir os cargos de Diretor de Policia do Interior e Corregedor. O Secretario de Segurança pública, Luis Fernandes, acaba de nomear a esposa do Delegado Fernando Flávio(Presidente da ADEPOL, e eleito com um dicurso de oposição a Jatene, para um alto cargo na PC. dizem, que essa nomeação, faz parte de um acordo. Essa é a verdade sobre o engavetamento do caso.
Diante disso, entendo, que todos, que por ação ou omissão, deram causa, para o não andamento do caso, devem serem responsabilizados na forma da Lei.


Celso xavier

Anônimo disse...

O povo deste Estado merece este "governo"pois o elegeu dando a ele um cheque em branco para governar o nosso Estado.Agora é tarde, teremos que esperar 03 anos para nos vermos livres desse cidadão. Uma coisa eu tenho certeza,e ele tabém,o Dr. Lorota jamais voltará ao cargo de Governador deste Estado pois tenho certeza que o povo saberá se posicionar ante tais desmandos e a incompetencia deste pífil "governador".

Anônimo disse...

exonerado, kakakaka aposto, meu chefe nunca faria isso.

Anônimo disse...

Me desculpe minha cara, mas na minha humilde opinião você apenas peca quando afirma que Franssinete e as mulheres que se destacam nesse estado....Franssinete não lembro de ter feito nada que a destaque nesse estado. E quanto a Ana Julia, nada contra a ex governadora namorar e beber, e sim se fazer de cega quando o seu, o meu e o nosso dinheiro ia parar nas mãos da quadrilha que se instalou nos cofres públicos nos últimos quatro anos. Mas com relação a esse fato, nem você, nem Franssinete, nem um blogueiro fala nada. Ponto. Credibilidade é algo que falta aqui e alí, no quintal da Franssinete. Obrigado pelo espaço!

Anônimo disse...

A postura de um secretário de estado deve ser acordo com o do governo.Se não for, está no lugar errado.Se Ney Messias expressa ponto de vista grosseiro e preconceituoso, mante-lo em cargo público de confiança é endossar sua manifestação.Detalhe é que isso foi feito em meio público e não numa conversa particular. Fora Ney Messias.

Anônimo disse...

Ao anônimo das 11:53 PM

Não interessa como começou ou como vai terminar o que interessa é que eu , minha avo minha mãe e minha filha não somos cadelas e os serviços de lavar cozinhar passar varrer etc não são sentenças punitivas e sim uma tarefa que gente honesta e seria faz na hora de seu expediente.

VC acha justo que como vc fala foi por motivo fútil nos mulheres com tarefas no lar podemos ser chamadas de cadelas onde se torna mais ofensiva esta manifestação por sair da mente de um Secretario de Estado que por obrigação não deveria nem estando coberto de razão falar, e não tava sou fã do Beto Barbosa que não morra mais aqui pelo motivo que você acha ser besteira, desculpe mais vc foi paga para fazer este comentário e recebe o pagamento todo final de mês

Maria Rosa Tavares de Matos

Anônimo disse...

infelizmente,os tentáculos do poder funciona dessa maneira...eu duvido isso é tudo uma forma de manipular tudo para a permanência dessa elite paraense burra que nessecita de das para sobreviver...enquanto o povão paraense vive comendo o pirão...

Anônimo disse...

Anônimo das 2:50,você fala de uma quadrilha que se instalou a quatro anos atrás.E o qu você me diz de uma super,hiper,mega quadrilha que passou 12 anos e agora voltou pra passar mais sabe Deus quanto tempo,apoiada por ninguém menos que Jáder Barbalho e da qual fazem parte Mário Couto,Flexa Ribeiro e Cia.Iltda?

Anônimo disse...

Eu não sei o que este Secretario da Insegurança tem, o cabra é incompetente, não tem projeto nenhum de conbate a violência, passou quatro anos (2007/2010) estudando e não aprendeu nada, a mesma coisa esse Delegado Geral, passou quatro anos (2007/2010) pasando email para os colegas, entrou na justiça para não trabalhar,e, o imbecil desse governador coloca essas duas crianças para comandar a segurança pública estadual, é muito ser idiota, ou então essa dupla decrianças fizeram o trabalho sujo da campanha de 2010.

Abraços,

João Bosco Maués Ataíde Fernandes

Anônimo disse...

Andre Nascimento, 9:40 AM

Essa nova função ao MÁRIO SOLANO é uma espécie de "cala boca".
Saiba que quando um coronel assume um cargo de Secretário, incluindo o de comandante da PM, é obrigado a vestir o pijama, ou seja, ir para a reserva remunerada (aposentadoria de militares).
No caso atual de SOLANO ele aposentou-se ganhando proventos de Comandante Geral da PM e, aposentado, ganha o DAS do novo cargo. E fica caladinho, mamando nas tetas da "viúva", jogando a vergonha parfa baixo do tapete de ter chegado ao ápice da PM e depois assumir um cargo de menor relevância.
Quem vai deitar e rolar nessa nova situação é o major RR Walber Wolgrand.

Anônimo disse...

Anônimo das 7:24, não existe nenhuma denúncia contra o atual governo, mas se está com saudades do descaso dos quatro anos petista a frente do estado, vá lá com a Aninha e seus comparsas! Quadrilha sim, ninguém via nada, ninguém ouvia nada, só passavam a mão, ou só tinha honesto no governo da Ana Julia, ou foi excelente o Governo da Santa Ana? Dai-me paciência!

Anônimo disse...

Porra, mas que foi melhor que os 12 anos do cara de rato e do preguiça FOI. Como servidor estadual da ALEPA onde de tudo acontece. Tô com saudades da Aninha.

Se elencarmos as roubalheira da Tucanalha em desvios e compararmos com a dos Petralhas? Vamos lá que se habilita?

Anônimo disse...

Ana Julia recebeu o merecido e faz parte do passado. Agora que Jatene decepciona quem votou nele, ficamos reclamando sem poder reclamar? Temos sim que discordar desses ajudantes como Ney Messias porque representam a continuidade de incompetentes assumindo cargos para beneficio proprio. E acham que os desmandos do governo passado justificam esse governo vergonhoso.Fora Ney.

Anônimo disse...

Perereca,
É sempre bom lembrar, que os quatros Delegados que trabalhavam em Abaetetuba, responderam a processo Administrativo e Criminal, sendo condenados e demitidos, da Policia Civil, apenas por omissão, no caso da tortura, da menina de Abaetetuba.

Anônimo disse...

Perereca,
Você deveria perguntar ao Arnaldo Jordy, porque o mesmo, fica calado, diante dessas recorrentes violações aos Direitos Humanos, patrocinadas, pelo Governo Jatene, já que o Deputado, foi eleito, defendendo a bandeira dos Direitos Humanos.

Anônimo disse...

Perereca,
Hoje, na ALEPA, vários Deputados, pediram a saida imediata, do Delegado Roberto Teixeira, da função que ocupa

Anônimo disse...

Falando em SEGURANÇA PÚBLICA.....,infelizmente foram feitas várias tentativas de diálogo com o Luiz Fernandes (secretário de segurança) mas sem progresso pois ele quer que o povo se dane, essa conversa de polícia comunitária é somente teoria, pois na prática não existe principalmente no interior do estado, colocou na DIPREV uma delegada que de nada entende e foi graças a um manifesto feito por membros de conselhos de segurança (CONSEG'S) espalhado nas redes sociais que a mesma saiu do cargo, mas não mudou muita coisa, pois hoje a DIPREV está montando CONSEG'S a torto e a direito por esse pará e adivinhem para que.... a eleição está próxima, êta Pará vamos acordar.......
Membro de um CONSEG