Ban

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Justiça Federal suspende processo da OAB nacional contra Jarbas Vasconcelos. Presidente deposto da OAB paraense tem de ser julgado pela OAB local.


O juiz federal José Márcio da Silveira Silva, da 7 Vara da Justiça Federal em Brasília, acaba de conceder liminar suspendendo a tramitação do processo aberto contra  o presidente deposto da OAB paraense, Jarbas Vasconcelos, pelo Conselho Federal da entidade, a partir da suposta tentativa de venda irregular de um terreno em Altamira. O juiz reconheceu que Jarbas não tem foro privilegiado e, por isso, terá de ser julgado pela Seccional paraense da OAB.
O vice-presidente do Conselho Federal da OAB, Alberto de Paula Machado, já foi intimado da decisão.
Veja a íntegra da liminar no Google Docs, enquanto a Perereca posta as páginas, para quem gosta dos quadrinhos:


Atualizado às 12h00:

Eis os quadrinhos (imagens). Clique neles para ampliá-los.






Atualizado às 15h30: acabei de postar novamente os quadrinhos, porque me avisaram que o texto estava cortado. Peço desculpas aos leitores e agradeço a quem me avisou.

3 comentários:

Anônimo disse...

Vamos continuar lutando com todas as nossas forças contra a ditadura OPHIR CAVALCANTE JÚNIOR, COMO EU COSTUMO PREGAR A Justiça Existe, vamos confiar, fora INTERVENTORES - ADVOGADOS EM DEFESA DO PARÁ!

Anônimo disse...

Perereca esta notícia é nova ou velha? fiquei sem entender. Dê uma olhada por favor. Refere-se ao caso Jatene/Cerpasa.

http://notapajos.globo.com/lernoticias.asp?id=7061

Anônimo disse...

A noticia é nova, mas o assunto é tão velho quanto o mundo!