Ban

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Dois pontos de vista





Foi um debate morno, que não deve ter mudado nadica no rumo das eleições.


Quem estava indeciso, assim permanece. E quem já simpatizava com um candidato, assim permanece também.


Para ajudar o eleitor, a Perereca resolveu ressuscitar duas entrevistas: uma com Simão Jatene, outra, com Ana Júlia Carepa.


Ambas realizadas bem antes das eleições.


Em nada lembram um debate, mas, em ambas as entrevistas, Ana e Jatene deixam transparecer bem mais de Ana e de Jatene.


Aqui você tem Ana Júlia por Ana Júlia:


http://pererecadavizinha.blogspot.com/2009/12/ana-julia-acusa-senadores-e-diz-que.html

E aqui você tem Simão Jatene por Simão Jatene:


http://pererecadavizinha.blogspot.com/2009_06_01_archive.html



FUUUUIIIIIII!!!!!!!

2 comentários:

Anônimo disse...

Como pode uma governadora que massacrou os funcionários públicos principalmente os de nível superior dizer que deu reajustes de acordo com a inflação? Perereca tem nível superior ganhando R$513(quinhentos e treze reais)isso mesmo três reais a mais que o salário mínimo. Ela tirou o tempo integral dos funcionários de nível médio e agora mandou as secretarias chamar um por um dos funcionários dizendo que o tempo integral irá voltar desde que votem nela.Fazendo política suja com direito adquirido de funcionário. Por isso que mesmo sabendo que Jatene também não foi uma maravilha para nós funcionários voto nele como vingança a essa mentirosa que prometeu em 2006 mas não cumpriu nem uma vírgula.

Marcela disse...

"A três dias das eleições, no Pará perdura uma disputa acirrada entre o ex-governador tucano Simão Jatene, o candidato ao governo pela coligação Juntos com o Povo (PPS / DEM / PSDC / PRTB / PMN / PRP / PSDB), e a governadora petista Ana Júlia Carepa, que postula a reeleição pela coligação Frente Popular Acelera Pará (PT, PR, PP, PSB, PV, PCdoB, PTB, PRB, PSC, PHS, PTC, PTN, PT do B e PDT). Fonte fidedigna, ouvida pelo blog, assegura que, pelos números contabilizados nas pesquisas de intenção de voto, é inevitável a realização do segundo turno.
De acordo com uma pesquisa, realizada de 23 a 29 de setembro, abrangendo todo o Estado, na qual foram ouvidos 2.100 entrevistados e cuja margem de erro é de 2,5%, Simão Jatene oscila entre 39% e 42% das intenções de voto. Ana Júlia Carepa soma de 33% a 36%. Domingos Juvenil, do PMDB, tem cerca de 9% das intenções de voto; Fernando Carneiro, do PSol, tem 3%; e Cleber, do PSTU, 1%. Votos brancos e nulos chegam a 3.5% e os indecisos correspondem a 8%.
Destinada ao consumo interno dos petistas e feita por um instituto de pesquisas do Pará, essa pesquisa não chegou a ser registrada no TRE, o Tribunal Regional Eleitoral. Com um custo que oscila entre R$ 60 mil e R$ 80 mil, a pesquisa foi encomendada por um grupo de parlamentares do PT que disputam a reeleição, e por candidatos a deputado – federal e estadual – pela legenda petista, em regime de consórcio."
Transcrito do blog do Barata