Ban

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

A terceira via de Almir

Pepeca na parada I



Corre solto nos bastidores políticos que Almir estaria “metendo fogo” no Pepeca, o ex-senador Luiz Otávio Campos, para que se candidate ao Governo do Estado.

Pepeca encarnaria a “terceira via” defendida por Almir, para romper a polarização entre Jatene e Ana Júlia.


Nos planos do tucanão, Pepeca teria o apoio decisivo de Jader, para chegar ao poder – embora uma fonte me garanta que o cacique peemedebista ainda não foi nem ouvido, nem cheirado acerca dessa composição.


Gente ligada a Almir não descarta a hipótese. “São várias possibilidades, não tem nada certo, mas é possível que ele (Pepeca) seja um dos nomes”, diz-me alguém.

O certo é que, segundo tucanos graduados, Almir tem mantido vários encontros com o ex “senador do governador”.

Mas, além dele, também são cogitados, para essa terceira via, os ex-vice-governadores Hildegardo Nunes e Valéria Pires Franco.


Pepeca na parada II


Fonte do blog acredita, no entanto, que a proposta de Almir não será bem recebida no PMDB.


“Não tenho nada contra o Pepeca, mas eu seria contra uma chapa dessas. Até porque não enxergo que o Almir possa significar o que já foi: pegar e eleger um poste”, diz-me.


Para a fonte, é complicado até o comportamento do tucanão. “Ele garante que não tem rancor, mas está sendo tangido por isso, sim. Ele não engendrou bem o retorno dele. No fundo, ele meteu na cabeça que o Jatene não pode ser governador”, resume.

Nenhum comentário: