Ban

sábado, 21 de novembro de 2009

tabajara



PT debate rumo e vereador
desanca Dudu, no “Jogo Aberto”





Cinco chapas disputam o comando do PT em Belém, mas apenas duas aceitaram debater os problemas do partido em audiência aberta ao público neste sábado, das 2 às 4 da tarde, na Rádio Tabajara FM 106.1, durante o programa “Jogo Aberto”, apresentado pelos jornalistas Carlos Mendes e Francisco Sidou.



As chapas lideradas por João Cláudio Arroyo e Almir Trindade estarão frente a frente, exibindo propostas e idéias sobre temas variados, como alianças políticas, governo Ana Júlia, eleição de 2010 e os rumos do PT para os próximos anos.



O vereador Augusto Pantoja, que chamou o prefeito Duciomar Costa de gângster, no plenário da Câmara Municipal, estará ao vivo no programa, para fazer novas denúncias.



A greve no Ophir Loyola e os números da violência apresentados pela polícia, que apontam redução no número de roubos, são outros assuntos do programa.



Os ouvintes poderão sintonizar a Tabajara no rádio, celular ou pela Internet, no endereço
www.radiotabajara.com.br


2 comentários:

Anônimo disse...

Eleição do PT 2009: SUELY ATENTA CONTRA A ÉTICA PARTIDÁRIA NO PT

As filiações em massa que entupiram o Partido dos Trabalhadores de filiados (que em 2008 filiou mais de 9 mil pessoas somente em Belém) quebrando a sua lógica de partido militante representa o peso do dinheiro dos interessados em influenciar e ditar as regras do PED (Processo de Eleição Direta) 2009. Isto faz arte da estratégia da campanha endinheirada da secretária Estadual de Desenvolvimento Urbano, Suely Oliveira, à presidência do PT de Belém:

1- A chapa de Suely foi pega em flagrante delito partidário na última sexta-feira que antecede o pleito petista (será realizado domingo) fazendo QUITAÇÃO DE FILIADOS EM MASSA (sem a presença dos filiados, supostamente interessados) o que pode comprometer a candidatura a presidente municipal de Suely Oliveira e do seus candidatos nos distritos do DABEN e DAENT. Os funcionários do PT de Belém Márcia e Luiz (“Padre”), receberam dos candidatos distritais e representante da chapa da DS, José Edson (DABEN) e Loury (DAENT) milhares de reais referente às ditas QUITAÇÕES, o que atenta contra o regulando eleitoral do Partido dos Trabalhadores e a ética partidária;

Isto é um absurdo e um atentado intolerável ao PT que deve tomar as providências e a impugnação devida da candidatura de SUELY, JOSÉ EDSON e LOURY.

Anônimo disse...

O PAU VAI QUEBRAR...EU QUERO É SABER SE O DINHEIRO DO PAC ESTÁ NESSA NEGOCIATA DO POVO DA 'MÁFIA RUSSA STALINISTA'.
NÃO VAI TER JEITO.ACABOU...A CASA CAIU PRO PT DO PARÁ.