Ban

sábado, 13 de junho de 2009

Boa Noite!






FUUUUUUUIIIIIIIIII!!!!!!!!!!!!



Estes mais de três anos de Perereca da Vizinha foram, para mim, uma experiência fantástica.




Não sei se vocês gostaram...




Eu, de minha parte, adorei receber, aqui, cada um de vocês...




Nunca me esqueço que a Perereca nasceu como uma brincadeira; num daqueles insights que a gente tem e que começa a se abrir...




Lembro que liguei pra uma amiga e anunciei: “Decidi lançar um blog! E sabe como é que ele vai se chamar?”. E ela: “Como?”. Respondi: “A Perereca da Vizinha!”. Ela, é claro, morreu de rir...




Nunca imaginei que este blog pudesse alcançar mais de 100 mil acessos – e olhem que isso é só o contabilizado, e num blog de atualização semanal!...




Em suma: num blog que, durante um bom tempo, não teve contadores e que experimentou longos períodos de ausência ou de posts quase ininteligíveis.




Tudo derivado das TPMs desta que vos fala...




Mas, o que mais sinto orgulho, sinceramente, é da qualidade dos leitores deste blog.




Sinto-me, sim, envaidecida – e não vou negar! – pelo fato de ter recebido aqui alguns dos maiores políticos, jornalistas, técnicos, empresários, lideranças desta terra.




Sinto-me, sim, pra lá de grata, por essa nem tão merecida atenção.




Amei cada um de vocês – e ainda amo...




E me perdoem se, ao contrário do Juvêncio Arruda, não consegui ser tão educada quanto deveria, respondendo, por exemplo, aos comentários que vocês tão atenciosamente postaram...




Perdoem-me, também, se algumas vezes fui muito incisiva – mas, sinceramente, nem posso me desculpar muito por isso; é que não tem jeito – sou assim!!!...




Espero, porém, ter compensado tamanha deseducação com o cuidado que dediquei às reportagens que preparei pra vocês – especialmente pra vocês!...




Espero que o fato de ter sido tão honesta e responsável em relação a todo esse material que está aí, nos arquivos, compense um bocadinho essa minha – como direi? - rudeza...




Gostei muito, muito de tudo isso!...




Mas, como creio que já disse aqui, fechei um bom contrato de trabalho.




E preciso cumpri-lo, porque, afinal, não tenho onde cair morta.




Assim, a partir da próxima semana, o mais tardar na outra, estarei me mudando de mala e cuia para outro espaço da internet, naquela que será, talvez, a primeira experiência de fusão da blogosfera.




A Perereca permanecerá, mas, apenas, para as minhas bebedeiras e “produção literária”, digamos assim.




Toda a produção jornalística – matérias, notas, análises – será canalizada para esse novo espaço, que, tenho certeza, vocês irão adorar.




O que posso dizer? Amei cada bocadinho da gente, assim, juntinhos...




Embora que, muitas vezes nos estapeando, creio que conseguimos conceber um espaço pra lá de bacana, em termos democráticos.




Foi bem bacana, sem dúvida...




Tentei achar a versão da música abaixo com a Beth Carvalho, que é bem mais legal.




Mas, esses sites de música são muito limitados e eu, uga-buga, nem sei como mandar pra lá a minha coleção...




Mas, mesmo assim, escutem.




Porque é muito do que A Perereca da Vizinha gostaria de dizer a cada um de vocês.




Neste final de semana – o último – volto com uma reportagem, se der. E ainda, é claro, publicarei o resultado dessa nossa enquete.




Mas, a partir do dia 20 ou 25, só nos veremos muito esporadicamente, aqui, na Perereca.




Obrigada, queridinhos!...




Muito obrigada, mesmo!...




E a gente se encontra por aí, na blogosfera!






FUUUUUUIIIIIIIIII!!!!!!!





Jorge Aragão - Fundo de Quintal - Do Fundo do Nosso Quintal


4 comentários:

O Estado do Tapajos On Line disse...

Dano a veículo de jornalista é tentativa de intimidação ao jornal O Estado do Tapajós

O automóvel Siena dos diretores do jornal O Estado do Tapajós teve os parabrisas destruídos por dois elementos desconhecidos, na noite da última quinta-feira, quando o veículo se encontrava estacionado em frente à residência do jornalista Miguel Oliveira, no bairro do Santíssimo. Dois elementos apertaram o botão da campanhia da residência do jornalista, que é o editor-chefe do jornal.

Ao serem atendidos, perguntaram se o jornalista se encontrava em casa. Um dos elementos chamou o morador para fora da garagem a fim de “lhe apresentar um amigo”. Após o morador não atender o convite e regressar ao interior da residência, os elementos danificarm os vidros traseiro e dianteiro do veículo.

Vizinhos confirmam que após o dano, a dupla deixou o local em disparada para lados opostos. O vandalismo ocorreu meia hora após site do jornal publicar nota sobre o secretário de agricultura Osmando Figueiredo.

Em nota publicada na Coluna do Estado, a direção do jornal considera o ato covarde e intimidatório e sustenta que a ação faz parte de uma tentativa de intimidação aos diretores do jornal que se mantém independente diante da administração municipal que está retornando ao poder.

A direção de O Estado do Tapajós ressalta que, "se os mentores e executores desse atentado pensam que este jornal se deixará intimidar, estão muito enganados. Atos como esse só reforçam o sentimento de que O Estado do Tapajós precisa continuar prestando um relevante serviço à sociedade santarena, que é o da veiculação da boa informação".

A direção do jornal já registrou Boletim de Ocorrência na delegacia de polícia e o pedido de realização de perícia, o que já foi executada na manhã da última sexta-feira.

Por fim, a nota sustenta que " o jornal vai manter sua linha de independência, pois vai permanecer sempre ao lado dos interesses de seus leitores".

Anônimo disse...

Querida Ana Célia, como teu fã fiquei preocupado, é que disseram que o Orly iria comprar os blogs para fazer campanha pro jatene, e que assim só seriam postado opiniões aprovadas por ele, isso é verdade?

Anônimo disse...

Ana Célia, onde encontramos você nessa "primeira experiência de fusão da blogosfera"?????? Parabéns pelos 3 anos de Perereca. E que venham as bebedeiras e as produções literárias....

Lafayette disse...

Ana Célia, um conselho de quem não é jornalista, nem pretende, mas que ler blogs e já criou uns desde o tempo que não se chamavam assim e eram feito construindo-os em html puro: não abandone definitivamente o Perereca...

O Perereca... é algo teu, mas fica com a gente que ler.

Você verá que a coisa é interessante, e já vi acontecer inclusive com jornalistas (minha amiga webiana, Cátia Zanon do Zero Hora, por exemplo, sacou a parada. Ela tinha aqui fora o "O Dia se Espatifa" e foi "pra dentro" do Zero Hora, levando-o, e continuou com a mesma "linha editorial" - inclusive com o mesmo nome - ela fez questão!).

Você verá que algumas pessoas que já lhe "favoritaram" nos seus blogs, continuarão assim. Alterarão, alguns, para o endereço novo, e, mesmo assim, manterão o antigo Perereca... lá no blogroll.

Você verá que (não sei se o blogspot te dá esta ferramenta), se você, em sua última postagem aqui - se for assim - colocar algo do tipo: "ESTOU AQUI: www.etcetcetc". As pessoas, algumas, não atualizarão os seus blogrolls. Clicarão aqui no Perereca... para atalhar e depois clicarão no endereço indicado. Com isso, teu contador, mesmo que devagar, ainda andará!

É uma coisa, já disse! É assim no meu caso com o meu antigo "xipaia" e é assim com várias outras pessoas. Não será diferente contigo.

É como se funcionasse assim: -Tá, o blog é teu, mas no meu blog roll mando eu!

rsrsrs

Tem casos extremos em que, mesmo depois da pessoa apagar o blog da web (não faça isso nunca, por favor!), mesmo assim o blog continua lá no blogroll do leitor, mesmo que, ao ser clicada, apareça "not found" e tudo mais...

É isso. Boa sorte!

"...você verá que é mesmo assim, a história não tem fim..."