Ban

domingo, 6 de julho de 2008

Sublime!

Finalmente!...



Vou Festejar



Chora!
Não vou ligar
Não vou ligar!
Chegou a hora
Vais me pagar
Pode chorar
Pode chorar
Mas chorar!


Chora!
Não vou ligar
Não vou ligar!
Chegou a hora
Vais me pagar
Pode chorar
Pode chorar...


É, o teu castigo
Brigou comigo
Sem ter porquê
Eu vou festejar
Vou festejar!
O teu sofrer
O teu penar...


Você pagou com traição
A quem sempre
Lhe deu a mão...
Você pagou com traição
A quem sempre
Lhe deu a mão...


Mas chora!
Chora!
Não vou ligar
Chegou a hora
Vais me pagar
Pode chorar
Pode chorar...


Mas chora!
Chora!
Não vou ligar
Chegou a hora
Vais me pagar
Pode chorar
Pode chorar...


É, o teu castigo
Brigou comigo
Sem ter porquê
Eu vou festejar
Vou festejar!
O teu sofrer
O teu penar...


Você pagou com traição
A quem sempre
Lhe deu a mão...
Você pagou com traição
A quem sempre
Lhe deu a mão...


Laraiá Laraiá!
Lá Laiá Laiá!
(Fala, Cacique de Ramos!)
Laiá Laiá!
Laiá Laiá!
Eu vou festejar
Vou festejar!
O teu sofrer
O teu penar...


(Vamo no pé, gente!)
Você pagou com traição
A quem sempre
Lhe deu a mão...
Você pagou com traição
A quem sempre
Lhe deu a mão...


( Neoci / Dida / Jorge Aragão)

Nenhum comentário: