Ban

quinta-feira, 28 de junho de 2007

Pensando...

Na madrugada...

A Perereca adora ser estapeada por um lado, enquanto é, profusamente, cantada pelo outro...

Adora as promessas vãs, as suaves hipocrisias...Afinal, é gente, ora, pois, pois!...

E vai, devidamente acomodada num divã, apreciar as tais das uvas Moscatel. Enquanto analisa – ó, xentes! - as propostas recebidas...

Se forem realmente bacanas, por que não?...

Afinal, há que premiar o esforço daqueles que nunca desistem (pisc, pisc...)...

E que sabem, sobretudo, jogar!...

3 comentários:

Edson Marques disse...

Ana Célia,



A vida é um jogo, mesmo.


Portanto, se você não encontrar razões para ser livre, invente-as.


Abraços, flores, estrelas..

Anônimo disse...

procure no google:

"tcu carlos mario guedes de guedes"

Vc terá uma bela reportagem pela frente.

Juvencio de Arruda disse...

Grande Perereca!
Bjs